7.2.10

UM EPISÓDIO DA VIDA DE CHICO XAVIER


O centenário de Chico Xavier, no dia 02 de abril, já tem dois eventos: o lançamento do filme sobre a vida do médium e o lançamento de um selo pelos Correios homenageando a data.
A melhor biografia em circulação (perdoem-me os autores das que ainda não li) ainda é a do jornalista Marcel Souto Maior. Linguagem fácil e acessível, busca de fontes não espíritas para entender as diferentes visões sobre os acontecimentos, nenhuma mitificação do Chico apesar de uma simpatia discreta.
Um episódio interessante que ele recuperou detalha as inseguranças do grupo de Pedro Leopoldo e do movimento espírita no início da prática mediúnica do jovem Francisco de Paula Cândido. O jovem médium psicografava, as pessoas desejavam publicar mas não sabiam como fazê-lo. Escreveram para Inácio Bittencourt, diretor do jornal espírita Aurora, que recomendou que se publicasse os trabalhos assinando-os com F. Xavier. Não havia menção de médium ou mediunidade.
Narra Marcel, que um dia a poetisa potiguar Auta de Souza ditou a Chico o soneto abaixo:
Nossa Senhora da Amargura

Mãe da Dores, Senhora da Amargura,
Eu vos contemplo o peito lacerado
Pelas mágoas do filho muito amado,
Nas estradas da vida ingrata e dura.

Existe em vosso olhar tanta ternura,
Tanto afeto e amor divinizado,
Que do vosso semblante torturado
Irradia-se a luz formosa e pura;

Luz que ilumina a senda mais trevosa,
Excelsa luz, sublime e esplendorosa
Que clareia e conduz, ampara e guia.

Senhora, vossas lágrimas tão belas
Assemelham-se a fúlgidas estrelas:
Gotas de luz nas trevas da agonia.


Belo soneto, que foi publicado no "Novo Almanaque Luso-Brasileiro para 1932" em Lisboa, segundo os articulistas do Grupo de Estudos Avançados Espírita - GEAE.

Marcel diz que um poeta português escreveu a Chico elogiando-o, entusiasmado. O médium ficou envergonhado. Como ele poderia aceitar elogios de um poema que não lhe pertencia? Não seria errado publicar em seu nome algo que ele sabia ter sido criado por outra pessoa? A partir daí Chico Xavier não mais ocultaria a origem mediúnica de seus trabalhos.


2 comentários:

Jackeline Depp disse...

É muito bom conhecer pessoas sensíveis que querem ajudar na Seara de JESUS, pra transformação do nosso Planeta de provas e expiações, pra um PLANETA DE REGENERAÇÃO!!!
Tenho um Blog em homenagem ao ator Johnny Depp, que sinto ter ligações de "outras vidas", mas coloco lá junto com minha filha de 14 anos muitas postagens sobre a Espiritualidade! Vou ficar muito feliz com sua visita lá!!!
Leia a postagem de fevereiro pra saber detalhes de nossa história com o ator!!! hehehe
Jackeline-Curitiba-Paraná
http://johnnydeppmadness.blogspot.com/

Jackeline Depp disse...

Olá querido, tenho um selinho especial pra você lá no Blog JDM!!!
Beijinho de paz!
Jackeline-Curitiba-Paraná
http://johnnydeppmadness.blogspot.com/