4.8.12

O RESGATE DE ROSEMARY


Franz Liszt

Uma menina de sete anos, morando em um casarão de Londres, acostumada a ver os Espíritos, após acordar, vê "um homem muito velho", "cabelos brancos" e vestia algo que ela entendeu ser um vestido comprido (era uma batina).

- "Quando você crescer, eu voltarei e lhe transmitirei música." - Ele explicou-lhe que havia sido compositor e pianista.

Assim inicia-se o livro "Sinfonias Inacabadas", um ensaio autobiográfico escrito pela médium musical Rosemary Brown, que ao crescer escreveria peças atribuídas a Lizst, Chopin e muitos outros compositores.

A incansável Elsie Dubugras (Revista Planeta) está por trás da tradução do livro que enriquece o conhecimento de espíritas e interessados com mais um capítulo da história da mediunidade.


Assim como Chico Xavier, era de origem humilde e teve formação musical extremamente limitada, como se pode ler na matéria do blog Era do Espírito, mantido pelo Dr. Ademir Xavier. http://eradoespirito.blogspot.com.br/2012/07/rosemary-brown-e-arte-mediunica-erico.html

Falo de Rose Brown, porque teremos um estudo interessante no encontro nacional da LIHPE, feito por Érico Bonfim, que se pode ver executando ao piano uma das peças psicografadas pela médium no blog citado.

Ampliemos nossos horizontes culturais em matéria de mediunidade e espiritismo.

2 comentários:

Blog Turismo & Paradigma disse...

Realmente o caso de Rosemary Brown é fantástico. Porém fica mais difícil diferenciar os critérios de música erudita da minha parte pois não entendo.
Abraços
Gustavo

Jáder disse...

Gustavo,

Também não entendo de música, por isso o trabalho do Eric no 8o. ENLIHPE é importante. Ele é especialista da área.

Obrigado pelo comentário