9.3.08

Exortação de Damasceno Sobral







Exortação










Oremos pelos que sofrem
física, moral e espiritualmente falando.
Oremos pelas prostitutas
que a sociedade desigualou e repeliu
Oremos por nós próprios
afim de esquecermos o passado
e nos resignarmos no presente.
Oremos pelos felizes,
pelos felizes, principalmente,
para que se lembrem de Deus...


Extraído de "Almas Libertas", escrito por José Damasceno Sobral, Divinópolis, 1949.

Um comentário:

Joao Cesar disse...

Perfeita essa idéia de que a sociedade "desiguala"... ainda mais na forma poética! Parabéns, Sobral!