23.1.12

8o. ENLIHPE: PREPARE COM ANTECEDÊNCIA SEU TRABALHO



Desde 2003 trabalhamos em um projeto que é o Encontro Nacional da Liga de Pesquisadores do Espiritismo - ENLIHPE. A Liga é um grupo virtual de pessoas interessadas no estudo do espiritismo, aos moldes acadêmicos. Os membros não necessitam ser espíritas para participar, basta que respeitem os códigos de conduta do grupo e obviamente tenham interesse no espiritismo.

A LIHPE foi criada para incentivar o registro e discussão da história do espiritismo, e aos poucos foi agregando interessados que trabalhavam na fronteira entre o espiritismo e as chamadas áreas do conhecimento: filosofia, física, psicologia, ciências sociais, antropologia e muitas outras.

Desde seu fundador, Eduardo Carvalho Monteiro, percebeu-se que apenas o intercâmbio à distância é insuficiente para estabelecer grupos de trabalho e aproximar os membros. Foi então criado o ENLIHPE, que é o encontro nacional, este, presencial.

São Paulo abriu-nos as portas e especialmente o Centro de Cultura, Documentação e Pesquisa do Espiritismo - CCDPE, que é uma casa fundada com o esforço de muitos e o acervo bibliográfico e documental do Eduardo, doado após a morte.

Há quatro anos as paredes do Centro de Cultura têm recebido membros da LIHPE e outros interessados dos quatro cantos do país. Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Piauí, Ceará, Bahia e Goiás são alguns dos estados que já enviaram representantes ou expositores, ou mesmo participantes para o evento. Tivemos a presença de um antropólogo italiano na participação do evento e o intercâmbio posterior possibilitou a publicação de um trabalho monográfico na área da antropologia em seu país.

Se você tem algum trabalho na fronteira entre o espiritismo e as ciências reconhecidas pelo CNPq e até outras não reconhecidas (como é o caso da parapsicologia), comece a preparar seu artigo para submissão. Evite deixar para a última hora. Mais informações sairão no site da LIHPE - www.lihpe.net/wordpress

Nenhum comentário: